O Manifesto Ágil nasceu em 2001. Foi escrito por Fowler e Highsmith para estabelecer as diretrizes básicas para qualquer metodologia Ágil.

A base é: Indivíduos e suas interações acima de procedimentos e ferramentas.

Por isso a liderança servidora é a mais adequada para conduzir projetos Scrum. Líderes Servidores empregam a escuta, a empatia, o comprometimento e a introspecção ao compartilhar poder e autoridade com os membros do time.

Segue os 12 princípios do Manifesto Ágil:

1. Satisfazer o cliente através da entrega contínua  – Cada ciclo de desenvolvimento deve finalizar com uma entrega valor

2. Mudanças nos requisitos são bem-vindas – Com ciclos de desenvolvimento curtos, lidar com mudanças e atendender o cliente de forma tranquila fica mais fácil;

3. Entregar frequentemente software funcionando – O Scrum ajuda a realizar entregas contínuas e frequentes;

4. Pessoas de negócio e desenvolvedores devem trabalhar em conjunto – O Scrum promove uma reunião de pessoas de áreas, de ciclos organizacionais e de grupos diferentes;

5. Construa projetos em torno de indivíduos motivados – Para construir um projeto é necessário contar com pessoas que tenham vontade, felicidade e motivação ao realizar o projeto;

6. O método mais eficiente e eficaz de transmitir informações é através de conversa cara a cara – Muitas empresas tem a comunicação entre funcionários apenas por meios digitais. Portanto, é preciso que existam mecanismos de conversa, como o Daily Meeting (reunião diária);

7. Software funcionando é a medida primária de progresso – A primeira medida de progresso para o pensamento ágil é o software;

8. Os processos ágeis promovem desenvolvimento sustentável – Conforme as práticas ágeis são aplicadas, a equipe sente-se valorizada e um ambiente de confiança é construído;

9. Contínua atenção à excelência técnica e bom design aumenta a agilidade – Quanto melhor a elaboração de uma entrega, mais se trabalha nela e mais ágil ela se torna;

10. Simplicidade é essencial – Simplicidade é, por exemplo, quebrar as entregas em entregas menores, mas sem perder a qualidade ou não exigir uma documentação detalhada para simplesmente deixá-la armazenada.

11. As melhores arquiteturas emergem de times auto-organizados – É preciso empoderar o time para melhores resultados;

12. Em intervalos regulares, o time reflete sobre como se tornar mais eficaz – Reuniões de revisão e retrospectiva.

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *